g2h

domingo, 13 de setembro de 2009

Mahatma Gandhi a alegria esta

A alegria está na luta, na tentativa, no sofrimento envolvido. Não na vitória propriamente dita. (Mahatma Gandhi)

Gosto dos epitáfios; eles são, entre a gente civilizada, uma expressão daquele pio e secreto egoísmo que induz o homem a arrancar à morte um farrapo ao menos da sombra que passou. (Machado de Assis)

A colheita é comum, mas o capinar é sozinho. (Guimarães Rosa)

Vocação é diferente de talento. Pode-se ter vocação e não ter talento, isto é, pode-se ser chamado e não saber como ir. (Clarice Lispector)

Nenhum de nós jamais morreria por amor. Iríamos sofrer e nos separar e encontrar outra pessoa. Pertencíamos ao mundo da comédia, não ao da tragédia. (Graham Greene)

É tão absurdo dizer que um homem não pode amar a mesma mulher toda a vida, quanto dizer que um violinista precisa de diversos violinos para tocar a mesma música. (Balzac)

O homem verdadeiramente livre apenas quer o que pode e faz o que lhe agrada. (Jean-Jacques Rousseau)

O homem não pode pretender alcançar certas verdades, enquanto conserva dentro de si certas mentiras. (Carlos Bernardo González Pecotche)

Um sonho que se sonha sozinho é só um sonho que se sonha sozinho. Mas um sonho que se sonha junto é realidade. (Raul Seixas)

A verdadeira viagem do descobrimento não consiste em procurar novas paisagens, mas em ver com novos olhos. (Marcel Proust)

A coisa principal da vida não é o conhecimento, mas o uso que dele se faz. (Talmude )

Inestimável é o valor do sentimento que faz um homem e uma mulher se amarem com paixão, imaginação e ternura; desconhecê-lo é uma grande desventura. (Bertrand Russell)

Praticar o bem, abster-se do mal e purificar seus pensamentos, são os mandamentos de todo iluminado. (Buda)

Creio que não se pode fazer nada de grande na vida se não se fizer representar o personagem que existe dentro de cada um de nós. (Charles Chaplin)

A liberdade não tem qualquer valor se não inclui a liberdade de errar. (Mahatma Gandhi)

O amor não vê com os olhos, vê com a mente; por isso é alado, é cego e tão potente. (William Shakespeare)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens populares

Google+ Followers

Google+ Badge

PESQUISE NO GOOGLE